Acabou. é uma palavra hipotética, é um final, um vazio.
Chega de sofrer, chega do amor! ele sim mata, corroí a alma, faz sofrer, mata por dentro. O amor machuca, doí, nos castiga de tudo, nos faz perder o chão.

Todos os nossos carinhos, todas as nossas manias, gestos, prazeres, cartas, presentes, palavras, jogadas ao vento, todos os nossos sonhos que não vão serem mais realizados. um ano e três meses.
É preciso sofrer depois de ter sofrido, e amar, e mais amar, depois de ter amado.


Tento descobrir o que houve conosco
Mas nenhuma resposta cabe nas minhas perguntas
Eu vejo que as coisas estão cada vez mais mudadas
E a esperança distancia-se como um trem que não quer chegar.

Então eu posso ver os teus olhos, posso sentir tuas mãos
Porque aonde quer que eu vá a sua lembrança está presente
E todas as vezes que eu digo que não quero mais amar você
O meu coração não cansa de repetir: eu te amo.

Ao longe vejo surgir a aurora dos sonhos que sonhei
E imagino como é difícil acordar na hora mais linda
Algumas vezes sinto que me distancio de mim mesmo
E observo das alturas as pegadas que deixo para trás.

Eu sei que ainda existe alguma outra direção
Onde eu possa chegar a algum lugar seguro
Talvez uma última estação que me leve até você
Talvez uma última chance de te fazer realmente feliz.

Eu tento me encontrar outra vez dentro do teu coração
E sentir que tudo agora faz sentido em minha vida
E enquanto a noite corre na direção de um outro dia
Ouço a voz do meu coração que não cessa de dizer: eu amo você.